TIRO ESPORTIVO: BRASILEIROS LAMENTAM RESULTADOS E ELIMINAÇÃO DO JOGOS OLÍMPICOS

Facebook
WhatsApp
Email

Os atiradores brasileiros não foram bem na prova eliminatória da categoria pistola 50m realizada nesta terça-feira, dia 12 de agosto, no Centro de Tiro Esportivo, e foram eliminados das Olimpíadas de Pequim. Medalha de prata no Pan-americanos Rio 2007, o carioca Julio Almeida totalizou 554 pontos nas seis sessões de 10 tiros, ficando na 18ª colocação, a apenas cinco pontos da 8ª posição, que garantiria uma vaga na final dos Jogos.

Apesar de ter começado bem – chegou a ficar em terceiro lugar -, Julio Almeida reconheceu que faltou experiência para superar o mau resultado da 5ª série, quando atingiu 89 pontos, seu índice mais baixo no torneio olímpico.

“Fico chateado por ter chegado pela primeira vez aos Jogos com chances reais de medalha. Quando meu índice caiu na 5ª série, senti a pressão e parti com tudo para a sessão final. Talvez devesse usar mais a técnica em vez de simplesmente atirar pelo resultado. Por esta prova, daria uma nota oito para o meu desempenho”, analisou Almeida.

O técnico Gabriel Grumberg considerou atípica a colocação de Stenio Yamamoto, que terminou na penúltima posição, em 44º lugar, com 538 pontos.

“Jogos Olímpicos sempre atraem muita atenção e acredito que eles sentiram a pressão”, destacou. Yamamoto não entendeu a baixa pontuação em sua série. “Nunca comecei uma prova tão tranqüilo. Mas no treino de ontem já não fui bem, quando fiquei insatisfeito com o meu total de pontos”, finalizou o atirador.

Facebook
WhatsApp
Email

Deixe o seu comentário!

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. Saiba mais sobre o uso de cookies.