logotipo
CONTATO
Canal da CBTE no Youtube Página da CBTE no Instagram Fanpage da CBTE no Facebook Procura no site Perguntas Frequentes
27/03/2008
Calouro alemão conquista medalha de ouro na Copa do Mundo de Tiro Esportivo
Aos 20 anos, o alemão Christian Reitz era o mais novo entre os seis finalistas da prova de pistola rápida 25m da etapa brasileira da Copa do Mundo de Tiro Esportivo, disputada nesta quinta-feira, dia 27, no Centro Nacional de Tiro Esportivo Tenente Guilherme Paraense, no Complexo Esportivo de Deodoro. Mas não se impressionou com os adversários - entre eles o medalhista olímpico Iulian Raicea, da Romênia - e conquistou o primeiro lugar. Júlio Almeida, que representará o Brasil nos Jogos Olímpicos de Pequim, terminou em 11º e não conseguiu vaga na final. O melhor brasileiro foi Fernando Cardoso, oitavo colocado.

Esta foi a primeira etapa de Copa do Mundo da carreira de Christian Reitz, que começou a atirar aos 10 anos. Mesmo após a confirmação do resultado, ele ainda não tinha se dado conta de quem havia deixado para trás com seus 785,6 pontos. A prata ficou com o cubano Leuris Pupo (784 pontos), dez anos mais velho, com dois Jogos Olímpicos no currículo e ouro nos Jogos Pan-americanos Rio 2007. O terceiro colocado foi Iulian Raicea, de 34 anos, bronze nos Jogos Olímpicos de Sydney 2000. "Não sabia quem eram meus adversários, só sabia que eram muito bons. Foi minha estréia em etapas da Copa do Mundo e não poderia estar mais feliz. Na hora da prova, não pensei em nada, apenas em fazer o meu trabalho. Não esperava ganhar", admitiu o campeão, único no pódio sem vaga confirmada nos Jogos Olímpicos de Pequim.

O brasileiro Júlio Almeida usou a competição como treino para Pequim e não ficou muito satisfeito com o resultado de 570 pontos. "Gostaria de ter feito 573 pontos, que é o índice olímpico. Mas meu treinamento nesta prova está muito no início. Em um balanço geral, gostei do meu desempenho nesta Copa do Mundo", disse Júlio, que na quarta-feira tornou-se o primeiro brasileiro a disputar a final de uma etapa da Copa do Mundo na pistola de ar 10m, terminando em sexto lugar.

O outro campeão desta quinta-feira é bem mais experiente e acostumado com o pódio. Com 1265,3 pontos, o austríaco Thomas Farnick venceu a prova de carabina três posições 50m e conquistou sua quinta medalha de ouro em etapas da Copa do Mundo. A vitória sobre o alemão Maik Eckhardt (1265,2) foi por apenas um décimo. Em terceiro lugar ficou o norueguês Vebjoern Berg (1265,0). "O Brasil me dá muita sorte. Em 2006, também ganhei na etapa de Resende. Fiz uma final irregular, mas o importante é estar no topo depois do último tiro", disse Farnick, eleito o melhor atirador de 1997 pela Federação Internacional de Tiro Esportivo (ISSF).

A competição termina nesta sexta-feira, com a final feminina da carabina três posições 50m. A etapa brasileira da Copa do Mundo de Tiro Esportivo é uma realização da Federação Internacional de Tiro Esportivo (ISSF) e da Confederação Brasileira de Tiro Esportivo (CBTE), com patrocínio da Petrobras, e apoio do Ministério do Esporte, do Comitê Olímpico Brasileiro (COB) e do Exército Brasileiro. Para a realização da competição, o Ministério do Esporte adquiriu alvos mecânicos, que serão usados para treinamento e mantêm-se como legado junto aos alvos eletrônicos de competições dos Jogos Pan-americanos Rio 2007. O objetivo é transformar o Complexo Esportivo de Deodoro em um centro de treinamento e desenvolvimento do esporte.
por: cob.org.br