SELEÇÃO BRASILEIRA DA CBTE RUMO AO CAMPEONATO DAS AMÉRICAS E COPA SUDAMERICANA

Facebook
WhatsApp
Email

A partir deste sábado até o dia 13 de novembro a Seleção Brasileira da CBTE irá disputar o XIII Campeonato das Américas de Tiro e a VI Copa Sudamericana de Carabina, Pistola e Tiro ao Prato. As duas competições serão realizadas no Polígono de Las Palmas de Lima, no Peru. O presidente da CBTE e da Confederación Sudamericana de Tiro, Jodson Edington, irá acompanhar os dois eventos e participará da Assembleia Geral da Confederación Americana de Tiro (CAT), programada para sábado (dia 5).

“O Campeonato das Américas é uma competição importante porque abre vaga direta para o primeiro colocado de cada disciplina nos Jogos Olímpicos Paris 2024 e também é classificatório para os Jogos Pan-Americanos Santiago 2023. O Pan é a segunda chance para os países das Américas e a terceira é o Campeonato das Américas de 2024. As outras vagas olímpicas serão definidas nos Campeonatos Mundiais da ISSF e de acordo com o Ranking”, explica Jodson. “Em relação à reunião da CAT, faço parte de um Comitê Executivo para compor a diretoria da Confederação Americana cuja eleição ocorre no sábado”, completa o dirigente.

A Seleção Brasileira da CBTE é composta por 26 atletas – sendo 16 da Carabina e Pistola e dez do Tiro ao Prato –, além dos técnicos Ary Venturinelli (Skeet), Jairo Motta (Fossa), Luiz Bork (Carabina) e Ricardo Miguel (Pistola) e do chefe da delegação André Carvalho. Os atletas foram convocados conforme o Ranking Qualidade e o Regulamento e Planejamento Técnico.

“Estamos levando uma equipe completa para conseguir o maior número de vagas possíveis para o Pan 2023 e a Olimpíada 2024. Os atletas se prepararam muito bem para o Campeonato das Américas e a Copa Sudamericana, mas temos fortes adversários na disputa como os Estados Unidos, Canadá, Cuba, Argentina e Colômbia. Aproveito para agradecer o apoio fundamental do presidente do COB Paulo Wanderley e de sua equipe na viabilização de nossa viagem e participação nos campeonatos”, destaca Jodson.

De acordo com o Comitê Organizador, haverá apenas uma competição classificatória para o Campeonato das Américas e a Copa Sudamericana. Em seguida, serão realizadas duas finais independentes com os atletas e equipes que se inscreveram em cada uma das duas competições.

Equipe de Carabina e Pistola

1º Ana Luiza Ferrão – Pistola 25 metros
1º Cibele Breide – Pistola de Ar e Pistola 25 metros
1º Leonardo Vagner – Carabina 3×20 e Carabina de Ar
Eduardo Gonçalves – Carabina 3×20 (Índice Mundo)
Cassio Rippel – Carabina 3 posições (Índice Mundo)
1º Emerson Duarte – Pistola de Tiro Rápido
1º Felipe Wu – Pistola de Ar e Pistola de Tiro Rápido
Philipe Chateaubrian – Pistola de Ar (média Índice Mundo)
Adalto da Silveira – Pistola de Ar (Índice Mundo)
1º Geovana Meyer – Carabina 3×20 e Carabina de Ar
Brenda Pereira – Carabina de Ar (atleta Junior com índice América)

Atletas melhores colocados no Ranking Qualidade convocados para compor a equipe:

Andressa Tamires – Carabina de Ar
Paula Sayuri Yado – Pistola 25m
Rodrigo José de Almeida – Carabina de Ar
Simone Koch – Carabina 3×20
Vladimir Silveira – Pistola de Tiro Rápido

Equipe de Tiro ao Prato

Fossa Olímpica Masculina
1- Hussein Daruich / 2- Jaison Santin / 3- Teófilo Ribeiro Neto

Fossa Olímpica Feminina
1- Camilla Cosmoski / 2- Priscila Macêdo / 3- Daiana Camaz

Skeet Masculino
1- Roberth Vieira / 2- Renato Portela / 3- Rodrigo Simões

Skeet Feminino
1- Georgia Furquim

Técnicos: Luiz Bork (Carabina), Ricardo Miguel (Pistola) e Roberto Schmits (Fossa)
Auxiliares: Ary Venturinelli (Skeet) e Jairo Motta (Fossa)
Chefe da delegação: André Carvalho

Facebook
WhatsApp
Email

Deixe o seu comentário!

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. Saiba mais sobre o uso de cookies.