EQUIPE DE CARABINA E PISTOLA JÁ TREINA EM TORONTO

Facebook
WhatsApp
Email

Competições do Tiro Esportivo começam domingo, 12/07

O tiro esportivo brasileiro já está em solo canadense, onde participará dos Jogos Pan-americanos. Parte da delegação brasileira, que é formada por 19 Atletas, técnicos e dirigentes, desembarcou na terça-feira, 07/06, em Toronto e treina nesta quarta-feira, já de olho nas competições que começam no domingo, 12/07, no Centro Pan-americano de Tiro. A competição irá distribuir 20 vagas para os Jogos Olímpicos Rio 2016.

Duas provas abrem o calendário esportivo, pistola de ar, para homens e mulheres. O Brasil terá 3 representantes nas provas, Rachel Silveira, Felipe Wu e Julio Almeida. As finais, que são disputadas pelos oito melhores colocados, acontecem no mesmo dia.

Objetivo é aumentar o número de vagas para os Jogos Olímpicos
O tiro esportivo brasileiro já conta com 9 vagas olímpicas, disponibilizadas ao país-sede dos Jogos. Os dirigentes da Confederação Brasileira de Tiro Esportivo (CBTE), acreditam que este número poderá ser aumentado, principalmente devido ao fato de termos atletas que obtiveram boas colocações, além de terem participados de finais, em etapas da copa do mundo e no campeonato mundial, nos anos de 2014 e 2015. O otimismo é evidenciado pelo fato de que, nas competições atuais, os atletas não levam para as finais a pontuação da fase de classificação. Agora, todos os finalistas entram com a pontuação zerada, tornando a disputa por medalhas e vagas olímpicas, muito mais emocionante.

A participação brasileira prossegue na segunda-feira, 13/07, com 4 mais provas e a estreia do tiro ao prato na competição. Janice Teixeira e Gisele Braga, atletas da fossa olímpica feminina, competem e buscam vagas na final. Na prova masculina da fossa olímpica, Eduardo Correa e Rodrigo Bastos, participam do primeiro dia da competição. Neste mesmo dia acontecem as provas da carabina de ar. Entre as mulheres teremos a participação de Raquel Gomes e Rosane Budag. Pelos homens competem, Bruno Heck e Leonardo Moreira. As duas provas terão as finais no mesmo dia.

Na terça-feira, 14/07, tem a continuação da fossa olímpica masculina e também a final. Também acontece o primeiro dia das provas pistola 25m, com Rachel Silveira e o tiro rápido, com Emerson Duarte e Iosef Forma. As duas provas prosseguem na quarta-feira, 15/07, junto às finais. O dia seguinte, 16/07, terá apenas uma prova, fossa double. Jadson Santin e Luiz Fernando Graça, competem pelo Brasil.

A sexta-feira, 17/07, está reservada para carabina e pistola, com finais no mesmo dia. Bruno Heck e Cassio Rippel participam da carabina deitado. Já a pistola 50m, será representada por Julio Almeida e Stenio Yamamoto. No sábado, 18/07, acontecem 3 provas, carabina 3 posições, mulheres, com Raquel Gomes e Rosane Budag, skeet feminino, com Daniela Carraro, as duas provas com finais no mesmo dia. Teremos, também, a primeira parte do skeet masculino, que terá como representante o atleta Renato Portella.

O último dia do tiro esportivo brasileiro, no Pan de Toronto, domingo, 19/07, terá a continuação e a final do skeet masculino e, também, a classificatória e final da prova carabina 3 posições, com a participação de Bruno Heck e Leonardo Moreira.

Facebook
WhatsApp
Email

Deixe o seu comentário!

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. Saiba mais sobre o uso de cookies.