COB FIRMA CONVÊNIO COM COMITÊ OLÍMPICO DE ARUBA

Facebook
WhatsApp
Email

O Comitê Olímpico Brasileiro (COB) firmou um convênio com o Comitê Olímpico de Aruba visando ao intercâmbio e ao desenvolvimento esportivo dos dois países. Os caribenhos pretendem absorver os conhecimentos brasileiros nas áreas gerencial, técnica e esportiva. A tradição do Brasil no cenário pan-americano motivou o interesse de Aruba em pedir a cooperação. Dez modalidades estão entre as que contarão com um auxílio especial no próximo Ciclo Olímpico. Atletismo, boxe, ciclismo BMX, judô (masculino), levantamento de peso, natação, nado sincronizado, taekwondo, tênis e tiro esportivo (10m pistola de ar) farão parte do programa de desenvolvimento de atletas, que ainda viabilizará a participação de representantes de Aruba em campeonatos e torneios de preparação. Esses treinamentos serão direcionados ao esporte de base e ministrados em conjunto para os atletas de ambas as nações.

Os brasileiros também transmitirão conhecimentos na área técnica, através de cursos para treinadores, comissões técnicas e médicas. Para isso, a idéia é promover intercâmbios, seminários e palestras que formem e capacitem os técnicos estrangeiros. “Depois que passamos a contar com os recursos da Lei Agnelo/Piva, em 2002, o Departamento Técnico do COB ao lado das Confederações Brasileiras Olímpicas, pôde planejar o esporte nacional durante os Ciclos Olímpicos. Foram contratados técnicos estrangeiros, que promoveram e estão promovendo a criação de uma escola brasileira de treinadores em diversas modaliades. Hoje, com o progresso evidente do esporte olímpico brasileiro, já exportamos conhecimentos e podemos colaborar com outras nações. Isso é mais uma coisa prazerosa do esporte”, afirma José Roberto Perillier, gerente geral do Departamento Técnico do COB e sub-chefe da Missão Brasileira em Pequim 2008.

A importância de ter organizado e realizado importantes competições esportivas internacionais e, principalmente, o Rio 2007, estão diretamente relacionados à solicitação de cooperação na parte gerencial. Gestão profissional do esporte e marketing esportivo são outros pontos em que o Comitê Olímpico de Aruba pretende inspirar-se no modelo adotado pelo COB. O pensamento dos dirigentes do Comitê Olímpico de Aruba é já colher os frutos dessa parceria nos Jogos Sul-americanos (ODESUR), em 2010, na Colômbia.

Facebook
WhatsApp
Email

Deixe o seu comentário!

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. Saiba mais sobre o uso de cookies.