BRASIL TAMBÉM É SEDE DA ISSF WORLD CUP EM 2023

Facebook
WhatsApp
Email

No próximo ano tem mais Copa do Mundo no Brasil! O presidente da Confederação Brasileira de Tiro Esportivo (CBTE), Jodson Edington, confirmou, nesta terça-feira, a realização da ISSF World Cup Rifle e Pistola, em 2023. A competição será disputada de 8 a 19 de setembro, novamente no Centro Militar de Tiro Esportivo (CMTE), no Rio de Janeiro, mesmo local das provas dos Jogos Rio 2016. Vale lembrar, que no próximo mês de abril, de 9 a 19, o Rio de Janeiro irá sediar o evento.

“É a confirmação do prestígio e do respeito da ISSF pela nossa entidade e pelo país, ainda mais no ano anterior dos Jogos Olímpicos Paris 2024. A ISSF reconhece o Brasil como um país sério, digno, respeitoso e confiante, que é o principal. Vamos ter a oportunidade de realizar uma Copa do Mundo em dois anos consecutivos (2022 e 2023). É uma responsabilidade muito grande, que também envolve dezenas de pessoas e profissionais. Aproveito para agradecer o Exército Brasileiro e o Ministério da Cidadania, que são os responsáveis pela manutenção do CMTE, e o apoio do Comitê Olímpico do Brasil (COB), Companhia Brasileira de Cartuchos (CBC), ECOS Turismo e Autoridade Brasileira de Controle de Dopagem (ABCD)”, comenta Jodson Edington, presidente da CBTE.

O dirigente também faz questão de destacar a importância da realização da ISSF World Cup no Brasil para os atletas, técnicos, árbitros e dirigentes.

“Com certeza, um evento internacional desse porte é benéfico para todos os segmentos do tiro esportivo. Para os árbitros, principalmente aqueles que ainda não são árbitros internacionais, é uma oportunidade de estagiar e acompanhar de perto. E para os demais, com mais experiência, significa arbitrar provas numa competição internacional dentro do país”, explica Jodson. “Já para os atletas é importante sobretudo quando vale vaga olímpica e conta pontos para o ranking mundial, que classifica para a Olimpíada. Além disso, competir em casa é uma vantagem por conta da adaptação ao clima, à temperatura e conhecimento de toda parte técnica do estande. Tanto é que alguns atletas estrangeiros costumam fazer adaptação ao local da competição (Camp Training) dias antes do evento”, acrescenta.

Segundo o presidente da CBTE, a ISSF World Cup Rifle e Pistola no país traz know-how para dirigentes de federações, técnicos que estão iniciando em seus clubes e para os técnicos de atletas, que podem ver e conhecer mais de perto uma competição internacional. E é também um aprendizado para os novos atletas, que anseiam em um dia participar da equipe brasileira e têm o sonho de defender o Brasil nos Jogos Olímpicos.

Facebook
WhatsApp
Email

Deixe o seu comentário!

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. Saiba mais sobre o uso de cookies.