AMÉRICA LATINA COM ATUAÇÃO MODESTA

Facebook
WhatsApp
Email

Se levarmos em consideração o número de medalhas obtidas por países da América, verificamos que os latinos registraram uma posição modesta no confronto com países da Europa e da Ásia.
Excluindo-se os Estados Unidos e Canadá, a classificação dos países americanos foi a seguinte:

Pos País Medalhas
13º Jamaica 11 (6 ouros)
23º Brasil 15 (3 ouros)
28º Cuba 24 (2 ouros)
34º Argentina 6 (2 ouros)
36º México 3 (2 ouros)
46º Rep. Dominicana 2
52º Panamá 1
60º Trinidad e Tobago 2
65º Bahamas 2
65º Colômbia 2
71º Chile 1
71º Equador 1
81º Venezuela 1

O Uruguai, com um passado histórico de grandes feitos esportivos, não obteve nenhuma medalha nestes Jogos.

Em uma análise ampla deste quadro chama atenção a queda de performance de Cuba. Este país, várias vezes entre os cinco primeiros nas Olimpíadas anteriores, ficou em 28º lugar na classificação geral, atrás do Brasil, embora ainda tenha obtido uma soma razoável de 24 medalhas. Depois da revolução cubana, há 60 anos, esta é a primeira vez que o nosso país supera Cuba nos Jogos Olímpicos. A terra de Fidel Castro, a partir dos anos sessenta, esteve sempre entre os cinco países com melhor colocação coletiva naquele certame.

Facebook
WhatsApp
Email

Deixe o seu comentário!

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. Saiba mais sobre o uso de cookies.