0
logotipo
CONTATO
12/05/2018
CBTE e Exército realizam treinamento conjunto de equipes visando competições internacionais
Buscando preparar a equipe de atletas do tiro ao prato do Exército Brasileiro para os jogos mundiais militares, a entidade em parceria com a Confederação Brasileira de Tiro Esportivo realizou nas dependências do Centro Militar de Tiro Esportivo, em Deodoro, no Rio de Janeiro, o treinamento de suas equipes de Skeet e Fossa Olímpica sob supervisão do Técnico da Seleção Brasileira, o cubano Daniel Hernandez Ibarra.

Ailton Patriota - Diretor Técnico do Tiro ao prato Olímpico da CBTE destacou a importância desta iniciativa para o Tiro Esportivo brasileiro, pois alguns dos atletas militares figuram também no topo dos rankings brasileiros e irão disputar campeonatos importantes num futuro breve como o Campeonato das Américas, Jogos Panamericanos e Jogos Olímpicos.

Georgia Furquin, atleta militar e também parte do Time Brasileiro de Skeet Feminino comenta sua participação no treinamento: “Treinar no CMTE, local dos Jogos Rio 2016, é sempre especial e representa evolução, desenvolvimento técnico, pessoal, disciplina e doação. Principalmente, quando se tem um objetivo real e próximo, como os Jogos Sul-americanos ODESUR, nesse momento de preparação conto com suporte de algumas instituições, como o Exército Brasileiro, o Governo Federal por meio do Ministério do Esporte e do COB, a CBTE e a Federação Gaúcha cuidando das burocracias e documentações.”

O Capitão Renan Bastos destaca que por ser iniciante na modalidade e estar tendo a oportunidade de treinar ao lado de atletas com maior experiência e ser exposto a treinamentos intensos contribuem de forma significativa na evolução da técnica e consequentemente no resultado.

Marcelo Viaro, atleta recém incorporado, comentou que a oportunidade de treinar de forma intensa com acompanhamento técnico é a única e melhor forma e de evolução do atleta.

Emanuel Munareto, atleta que vem tendo muito destaque no cenário nacional da Fossa Olímpica falou a nossa reportagem - “Eu tenho esse treinamento como de suma importância para complemento do trabalho diário realizado junto ao clube, sendo feitos ajustes finos que elevam a qualidade técnica do atleta, com o apoio fundamental do Técnico Daniel Hernandez, pois de forma incansável, ele acompanha o atleta tiro a tiro, contribuindo para evolução técnica e pessoal”. Munareto destacou o apoio da CBTE com subsídios e disponibilizando o treinador de forma exclusiva para equipe do EB, pois esse trabalho está formando uma equipe muito forte e competitiva para o mundial e os Jogos Mundiais Militares. Reforçou ainda que o trabalho que vem sendo realizado pela CBTE, COB e Ministério do Esporte no Tiro Esportivo Olímpico, está levando o Brasil para outro patamar no cenário mundial.
por: CBTE