layout layout
PRINCIPAL ADMINISTRATIVO TÉCNICO INTERAÇÃO INFORME DIVERSOS CONTATO
 NOTÍCIAS
10/09/2014
Rodrigo Bastos fica em 5º lugar no Campeonato Mundial na Espanha
Brasileiro ficou muito perto de conquistar a primeira vaga individual para os Jogo Olímpicos Rio 2016

O atleta do tiro ao prato, Rodrigo Bastos, da modalidade fossa olímpica, ficou em 5º lugar no Campeonato Mundial de Tiro Esportivo, que está acontecendo na cidade espanhola de Granada. Faltou muito pouco para que o brasileiro conquistasse uma das vagas, disponibilizadas aos três primeiros colocados na prova, e garantir sua participação nos Jogos Olímpicos Rio 2016. O quinto lugar, conquistado por Rodrigo, foi a melhor colocação de um brasileiro na história da fossa olímpica, em Campeonatos Mundiais.


Na fase de classificação, que contou com a participação de 145 atletas, Rodrigo acertou 123, dos 125 pratos lançados, e terminou na quinta colocação, junto a outros cinco atletas. Os seis tiveram que participar do chamado tiro-desempate, pelas duas últimas vagas na final, que já contava com quatro atletas garantidos, por terem acertados 124 pratos, na classificatória. Na disputa pelo direito de conquistar, tanto medalhas quanto vagas para 2016, o brasileiro e o atleta de Luxemburgo, Lyndon Sosa, avançaram. Na fase final, e já com os seis finalistas definidos, são lançados apenas 15 pratos. O brasileiro acertou 13, mesmo número de Jiri Liptak, da República Checa. Os dois foram para outro tiro-desempate, desta vez por uma vaga na briga pelo bronze e pela sonhada vaga olímpica. O ouro e a prata seria definido pelo inglês, Edward Ling, que teve 15 acertos e o eslovaco Erik Varga, com 14 pratos quebrados.


Antes do início da disputa junto ao tcheco, Rodrigo foi penalizado pelo árbitro com um cartão amarelo, sob a alegação de que haver ultrapassado o tempo de 12 segundos, que o atleta tem entre a autorização do juiz e o disparo.

- Todos os atletas estavam ultrapassando os 12 segundos, pois esse tempo estava sendo contado a partir do momento que o atleta chegava ao posto de disparo. Recebi o cartão amarelo por ter excedido o tempo e pedi explicação ao juiz, já que não escutei ele ter dado o comando "Start", que é o indicador para dispararmos. Para entender a alegação tive que retirar o abafador e o protetor de ouvidos, informou Rodrigo.

O brasileiro teve, então, uma nova oportunidade de fazer o disparo. Porém, quando se preparava efetuar seu disparo, o juiz sinalizou novo excesso de tempo, medida que desqualificou Rodrigo Bastos e o impediu de buscar tanto bronze quanto a vaga para 2016.

- O problema que eles alegaram, foi que demorei, mas eu tive que me preparar para atirar, coloquei o abafador e o protetor. Além de tudo, o árbitro não disse "Start", então não atirei e ele me deu um zero. A Federação Internacional muda muito a regra, esse é o problema. Todos demoraram mais de 12 segundos, eles fizeram dois pesos e duas medidas...", afirmou, um indignado Rodrigo Bastos, após a prova.

Mesmo assim, o experiente atleta brasileiro demonstrou, após o seu grande desempenho, que está, definitivamente, de volta ao cenário mundial e cada vez mais focado em representar o Brasil em 2016. Uma nova chance acontecerá no mês de outubro, com a realização do Campeonato das Américas de Tiro Esportivo, em Guadalajara, México.


A medalha de ouro ficou com o Erik Varga, a prata foi para Edward Ling e o bronze acabou nas mão de Giovanni Peliello, da Itália. Os três atletas, também, garantiram suas presenças nos Jogos Olímpicos Rio 2016. Outros dois brasileiros participaram da prova e também tiveram pontuações de destaque. Eduardo Correa acertou 120 pratos e ficou em 40º lugar e Andre Altobello, com 118 pratos quebrados, terminou na 62ª posição.

Na disputa por equipes, que contou com 36 países, o resultado do time brasileiro, formado por Rodrigo, Eduardo e Andre, com 361 pratos quebrados, garantiu a inédita 9ª colocação e um novo recorde brasileiro, que já durava 9 anos. Outro grande resultado para o tiro esportivo do Brasil.

O mundial continua nesta quarta-feira, 11/09, com a presença de Cassio Rippel, na prova carabina deitado e de Felipe Wu, José Carlos Iengo e Julio Almeida, que competirão na pistola de ar.


Clique aqui para o Canal do Youtube

Clique aqui para o Site da ISSF

Clique aqui para o Site Oficial
por: CBTE

ADMINISTRATIVO
Ações Administrativas
CNTE
Comunicados
Contabilidade
Comunicados
DIRETORIA
Estatuto
Federações
Licitações
Presidentes
Quem Somos
Regimento Geral
STJD - CBTE
TÉCNICO
Atletas CBTE
Campeonato Brasileiro
Calendário
Emissão de Certificado
Programas
Projeto CNTE 2016
Provas On-line
Ranking
Recordes
Resultados
Árbitros Internacionais
Árbitros Nacionais
Instrutores
Legislação
Regulamentos e Normas
Seleção Brasileira
INTERAÇÃO
Cadastro On-Line
Carteira de Associado
Classificados
Pagamentos
INFORME
Alvo da Imprensa
Colunistas CBTE
História e Curiosidades
Notas Rápidas
Notícias
Novidades
Perguntas Frequentes
DIVERSOS
Área Médica
Galeria de Fotos
Links
Textos
Vídeos
Confederação
Associada
COB 100 anos
Entidade
Conveniada
Liga Nacional de Tiro ao Prato
Confederação Brasileira de Tiro Esportivo
Rua Miguel Couto, 105 sala 922 - Centro - Rio de Janeiro - RJ - CEP: 20070-030
Tel.: 55 21 2223-3313 / Fax: 55 21 2283-0522
APOIO AO NOSSO ESPORTE
International Shooting Sport Federation Ministério do Esporte Comitê Olímpico Brasileiro
Shooting Portal
Certificados de Participação Resultados Anteriores